Páginas

sábado, dezembro 17, 2011

Perfis dos corruptos




Manifestações públicas em várias cidades exigem o fim do voto secreto no Congresso, o direito de o Conselho Nacional de Justiça investigar e punir juízes, a vigência da Ficha Limpa nas eleições de 2012 e o combate à corrupção na política.

Por que há tanta corrupção no Brasil? Temos leis, sistema judiciário, polícias e mídia atenta. Prevalece, entretanto, a impunidade – a mãe dos corruptos. Você conhece um notório corrupto brasileiro? Foi processado e está na cadeia?

O corrupto não se admite como tal. Esperto, age movido pela ambição de dinheiro. Não é propriamente um ladrão. Antes, trata-se de um requintado chantagista, desses de conversa frouxa, sorriso amável, salamaleques gentis. Anzol sem isca, peixe não belisca.

O corrupto não se expõe; extorque. Considera a comissão um direito; a porcentagem, pagamento por serviços; o desvio, forma de apropriar-se do que lhe pertence; o caixa dois, investimento eleitoral. Bobos aqueles que fazem tráfico de influência sem tirar proveito.

Há vários tipos de corruptos. O corrupto oficial se vale da função pública para extrair vantagens a si, à família e aos amigos. Troca a placa do carro, embarca a mulher com passagem custeada pelo erário, usa cartão de crédito debitável no orçamento do Estado, faz gastos e obriga o contribuinte a pagar.

Considera natural o superfaturamento, a ausência de licitação, a concorrência com cartas marcadas. Sua lógica é corrupta: “Se não aproveito, outro sai no lucro em meu lugar”. Seu único temor é ser apanhado em flagrante. Não se envergonha de se olhar no espelho, apenas teme ver o nome estampado nos jornais e a cara na tevê.

O corrupto não tem escrúpulo em dar ou receber caixas de uísque no Natal, presentes caros de fornecedores ou patrocinar férias de juízes. Afrouxam-no com agrados e, assim, ele relaxa a burocracia que retém as verbas públicas.

Há o corrupto privado. Jamais menciona quantias, tão somente insinua. É o rei da metáfora.

Nunca é direto. Fala em circunlóquios, seguro de que o interlocutor sabe ler nas entrelinhas.

O corrupto “franciscano” pratica o toma lá, dá cá. Seu lema: “quem não chora, não mama”.

Não ostenta riquezas, não viaja ao exterior, faz-se de pobretão para melhor encobrir a maracutaia. É o primeiro a se indignar quando o assunto é a corrupção.

O corrupto exibido gasta o que não ganha, constrói mansões, enche o pasto de bois, convencido de que puxa-saquismo é amizade e sorriso cúmplice, cegueira.

O corrupto cúmplice assiste ao vídeo da deputada embolsando propina escusa e ainda finge não acreditar no que vê. E a absolve para, mais tarde, ser também absolvido.

O corrupto previdente fica de olho na Copa do Mundo, em 2014, e na Olimpíada do Rio, em 2016. Sabe que os Jogos Pan-Americanos no Rio, em 2007, orçados em R$ 800 milhões, consumiram R$ 4 bilhões.

O corrupto não sorri, agrada; não cumprimenta, estende a mão; não elogia, incensa; não possui valores, apenas saldo bancário. De tal modo se corrompe que nem mais percebe que é um corrupto. Julga-se um negocista bem-sucedido.

Melífluo, o corrupto é cheio de dedos, encosta-se nos honestos para se lhe aproveitar a sombra, trata os subalternos com uma dureza que o faz parecer o mais íntegro dos seres humanos.

Enquanto os corruptos brasileiros não vão para a cadeia, ao menos nós, eleitores, ano que vem podemos impedi-los de serem eleitos para funções públicas.

(16.11.11)
Por Frei Betto,
frade dominicano e escritor (*)

O Boticário estará no Fashion Rio como patrocinador máster


O Boticário estará no Fashion Rio como patrocinador máster
Os visitantes poderão circular livremente no lounge da marca e participar de atividades gratuitas

Pela primeira vez O Boticário, maior rede de franquias de perfumaria e cosméticos do mundo, será patrocinador máster das duas edições do Fashion Rio em 2012, outono-inverno e primavera-verão. A iniciativa consagra a marca no Calendário Oficial da Moda Brasileira, com presença garantida também nas edições do próximo ano do São Paulo Fashion Week. “Nossa participação no Fashion Rio reforça ainda mais a conexão de O Boticário com o mundo da moda e suas tendências. Trabalhamos isso fortemente este ano, com a entrada no São Paulo Fashion Week, e agora reforçaremos nosso movimento no evento carioca. A marca tem mais de 200 lojas no Rio de Janeiro e quer estar ainda mais próxima dos consumidores que vivem no dia a dia a beleza que O Boticário propaga. Não podíamos perder a oportunidade de unir as afinidades e histórias de sucesso de O Boticário com um movimento importante para a moda e a beleza. Com certeza teremos ótimos resultados nessa parceria”, explica a diretora executiva de Marketing e Vendas de O Boticário, Andrea Mota.
Na primeira edição do Fashion Rio, de 10 a 14 de janeiro de 2012, O Boticário terá um lounge com formato e ações exclusivas para os visitantes do evento. Todos poderão circular livremente no lounge da marca e participar de várias atividades. Também poderão conhecer um pouco mais sobre a linha Nativa SPA, que recentemente foi totalmente reformulada e ampliada: recebeuSenses, perfumaria fina com cinco fragrâncias: Ameixa, Guaraná, Açaí, Blueberry e Verbena, de famílias olfativas floral, frutal gourmand, cítrica e oriental frutal. O número de itens das 17 famílias de ingredientes foi ampliado, deixando o portfólio mais completo, com 85 produtos para cuidar da beleza do corpo, rosto e cabelos. “Quem visitar nosso lounge no Fashion Rio não vai se arrepender. Promoveremos momentos de experimentação e sensação para que o fashionista sinta que está em outro universo. Os nossos clientes fidelidade também terão ações diferenciadas”, complementa Andrea Mota.

Previsão de fechamento 2011
A assinatura do patrocínio do Fashion Rio soma-se a outras importantes ações de O Boticário em 2011. Em março, foram apresentados ao público o novo posicionamento, logomarca a assinatura – “A vida é bonita, mas pode ser linda”.
Também neste ano, O Boticário lançou o projeto-piloto lojas Nativa SPA, com quatro pontos de venda – Curitiba (PR), Salvador (BA), São José do Rio Preto (SP) e na capital paulista. As lojas oferecem produtos da linha de mesmo nome, além de serviços de massagem facial e corporal.
Dentre os principais lançamentos de O Boticário em 2011, destacam-se as coleções Lumiére e Infinit de maquiagem Make B. e perfumaria, lançadas nas duas edições do São Paulo Fashion Week, em janeiro e junho; a perfumaria roll on; o livro O Boticário Maquiagem – by Fernando Torquatto; a perfumaria fina e a reformulação da linha Nativa SPA; as edições de Floratta in Rose Belle e Floratta in Rose Amour para o Dia das Mães, criadas a partir de rosas especialmente cultivadas em jardins franceses.
A rede O Boticário deve fechar 2011 com cerca de 3.220 lojas em todo o Brasil, que empregam mais de 22 mil funcionários. Para reforçar esse time, durante o período de Natal foram contratados 9.500 temporários.

Luciano: "Dois litros de água da adutora de João Alves vale mais que qualquer obra de Déda em Itabaiana"


Luciano: "Dois litros de água da adutora de João Alves vale mais que qualquer obra de Déda em Itabaiana"


Continuando a rodada do Cabaré de 5ª Executivo, prefeito por quatro vezes do município de Itabaiana e pré candidato a reeleição, Luciano Bispo (PMDB) foi o sabatinado por jornalista durante a 44º edição do evento, que acontece no Bar Templo Gelado. Durante a entrevista o gestor revelou momentos vividos na trajetória política, cenários das próximas eleições, relações com adversários e dificuldade em administrar um município que faz oposição ao Governo do Estado, e que não lançou Marcelo Déda (PT) candidato ao Senado Federal, apenas desejou boa sorte.

“É importante comparecer nesta sabatina porque aqui podemos esclarecer alguns assuntos para a população de Itabaiana, sergipana e brasileira. Várias pessoas de Itabaiana vieram participar e puderam perguntar o que quiserem”, afirmou Luciano Bispo, que estava acompanhado do deputado estadual Arnaldo Bispo (DEM), do deputado federal Almeida Lima (PPS), do ex-secretário de Estado da Fazenda Nilson Lima (PPS) e do secretário de Comunicação do Município, Marcos Aurélio.

Marcelo Déda

O governador tem um pecado muito grande na sua administração. Déda criou uma barreira entre ele e os políticos. Ele não atende ninguém, enquanto o seu maior adversário abre as portas e atende a todo mundo. Só consegui ser atendido pelo governador agora, no quinto ano do seu mandato. O governo do estado nunca me perseguiu, Déda ficou com raiva de uma brincadeira que fiz dizendo que dois litros de água das barragens do governo de João Alves vale mais caro que qualquer obra que Déda colocou na cidade.

Itabaiana dá muito para Sergipe, tem um poder de influencia grande dentro de uma eleição estadual. Agora o governador que implantar o Ceasa na cidade, essa semana estive com Ferrari para vê o andamento do projeto, caso venha a obra, Marcelo Deda marcará o nome na cidade porque esse é um sonho antigo do povo do município.

PMDB

Garanto que não vou ficar em cima do muro na eleição de 2014. Eduardo Amorim teve uma raridade em Itabaiana onde todos os grupos políticos o apoiaram na última eleição, foram mais de 36 mil votos na cidade. A questão de Marcelo Déda, Eduardo Amorim, João Alves Filho e Jackson Barreto só resolverei quando chegar a hora. Primeiro tenho que pensar em minha eleição em 2012. Se perder a eleição serei rolete de cana chupado e não posso mais opinar em nada.

Para Luciano, o caminho que se está desenhando em Sergipe, é JB versos Amorim. Quando eles se resolverem ou vou me resolver, mas garanto que não ficarei em cima do muro, reafirmou.

Ministério Público

Nunca tive meu mandato ameaçado. Claro que todos que foram prefeitos de Itabaiana receberam processos por falhas técnicas, mas ganhei todos em primeira instância. Inclusive na semana passada ganhei mais um. Em 2004 a CGU veio fiscalizar o município e questionou porque eu tinha comprado aos Peixotos. A CGU disse que eu implantei o cartel, mas os Peixotos são seis irmãos e concorrem entre eles. Todos sabem que eles dominam o comercio de Itabaiana. Esse questionamento tenho como provar e irei provar. O importante é que a merenda escolar estava sendo entregue em dia. Comprei R$ 103 mil e a multa que aplicaram foi de sete milhões de reais.

PT Itabaiana

Fico surpreso quando as pessoas me questionam do PT de Itabaiana. O PT só elegeu um vereador na cidade que agora está com o prefeito. O PT estadual é uma coisa e o PT de Itabaiana é outra, e tenho orgulho de ter Oliver ao meu lado pro seu um homem de bem. Quem colocou Oliver nos meus braços foram os meus adversários, onde foi mal tratado dentro do seu próprio partido. Não tenho nenhum compromisso de com vi em Itabaiana, e sei que Déda vai está em outro palanque e cada um procura o seu espaço. Uma vez fui convidado a me retirar do palácio porque disse que votava em Lula. Esse fato aconteceu quando Valadares era governador e em uma reunião com prefeitos perguntou que votava em Lula, e eu disse que votava em Lula e não em Collor. José Carlos Machado dizia que eu era o único capitalista que votava em Lula.

Albano Franco

Apoiei Albano Franco na sua campanha de governador e pedi que ele fosse em Itabaiana para tomar um posicionamento. Eles estavam prestes a perder a campanha lá. Mais sabia que ele era aliado a muito tempo de Chico de Miguel. Depois de Albano eleito recebo uma ligação de Benedito Figueiredo, então vice-governador, que pediu que fosse ao palácio falar com Albano. Na reunião estavam Albano, Benedito e eu. No encontro Albano veio com uma conversa sem pé nem cabeça dizendo que Pimenta Neves disse que Chico de Miguel queria sair do PSDB e ir para o PMDB e que ele (Albano) deveria romper comigo. Olha só que conversa. Sai de lá que quase não conseguia abrir a porta da sala. Chorei no carro até chegar em Itabaiana pensando no que ia dizer para o povo de Itabaiana.

Maria Mendonça

Não acredito que alguém seja uma boa administradora se não tinha uma secretaria de Planejamento e de Cultura. Perguntem a Maria Mendonça quantas escolas ela construiu em Itabaiana. Eu faço em Itabaiana uma sala de aula a cada 45 dias. Ela criou a SMTT e não implantou. Quando voltei a prefeitura encontrei tudo pronto e implantei. Eu fiz todos os concursos na cidade e na administração dela aconteceu um concurso e ninguém foi chamado, nem recebeu o dinheiro de volta. Ao invés de Maria Mendonça chamar 600 concursados, ela contratou 600 cargos de comissão. Isso que ela fez é uma boa administração. O povo de Itabaiana deu a resposta a ela na eleição de prefeito, por isso não tenho medo de nenhum adversário.

Espero que Valmir e Maria se entendam, só precisa saber quem confia no outro. Eu não sei se essa confiança existe.

Por Danilo Cardoso e Chico Freire, do Cabaré de 5ª

--------------------------------------------------------------------------------

quinta-feira, novembro 24, 2011

PRE/SE ajuiza quarenta e oito ações de infilidelidade partidária; veja os nomes



PRE/SE ajuiza quarenta e oito ações de infilidelidade partidária; veja os nomes


A Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe (PRE/SE) ajuizou até o momento quarenta e oito ações por infidelidade partidária contra políticos com mandato no Estado. Dessas, sete são contra vice-prefeitos e 41 contra vereadores eleitos em 2008, que trocaram de partidos sem justa causa, descumprindo as regras estabelecidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

De acordo com o TSE, os políticos com mandato só podem se desfiliar dos partidos pelos quais foram eleitos nos casos de incorporação ou fusão do partido, criação de novo partido, mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário e grave discriminação pessoal.

A PRE/SE ainda analisa os casos dos políticos que se desfiliaram de seus partidos para ingressarem nos recém-criados Partido Social Democrático (PSD) e Partido da Pátria Livre (PPL), além de outros casos específicos, nos quais a documentação necessária ainda está sendo reunida.

Confira aqui a relação com os eleitos que respondem as ações.

Da Assessoria de Comunicação
Ministério Público Federal em Sergipe


--------------------------------------------------------------------------------








REPRESENTADO Cargo do Representado Município Partido Anterior Partido Atual

IGOR FABRICIO COSTA FERREIRA DORIA Vereador AMPARO DE SÃO

FRANCISCO PARTIDO DEMOCRÁTICO TRABALHISTA PARTIDO DO

MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO

WILSON SEZAR CARDOSO VIEIRA Vereador AMPARO DE SÃO

FRANCISCO PARTIDO TRABALHISTA BRASILEIRO PARTIDO RENOVADOR TRABALHISTA BRASILEIRO
FRANKLIN RAMIRES FREIRE CARDOSO Vice-Prefeito AMPARO DE SÃO FRANCISCO PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA CRISTÃO PARTIDO REPUBLICANO PROGRESSISTA
MARCOS GOMES DE MELO Vereador AMPARO DE SÃO FRANCISCO PARTIDO DA SOCIAL DEMOCRACIA BRASILEIRA PARTIDO SOCIAL CRISTÃO
MARCOS ROBERTO DE MORAIS Vereador AQUIDABÃ PARTIDO DO MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO PARTIDO SOCIAL CRISTÃO
TANIA MARIA ANDRADE ARAGÃO SANTOS Vereador AQUIDABÃ PARTIDO DO MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO PARTIDO SOCIAL CRISTÃO
JOSE TAVARES Vereador AREIA BRANCA PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO PARTIDO SOCIAL LIBERAL
ROGÉRIO GONÇALVES Vereador BREJO GRANDE PARTIDO HUMANISTA DA SOLIDARIEDADE PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO

MARCONDES JOSÉ APOLONIO MARINHO Vice-Prefeito CANINDÉ DE SÃO

FRANCISCO PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA CRISTÃO PARTIDO SOCIAL CRISTÃO




LUIS GUIMARAES SILVA Vereador CARMÓPOLIS PARTIDO DA REPÚBLICA PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO
CLAUDIONOR VIEIRA DE MELO Vice-Prefeito CEDRO DE SÃO JOÃO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO DEMOCRATAS
LUIZ DELFINO DE SOUZA JUNIOR Vereador CEDRO DE SÃO JOÃO PARTIDO POPULAR SOCIALISTA PARTIDO DO MOVIMENTO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO
LENILSON GONÇALVES SANTOS Vereador CUMBE DEMOCRATAS PARTIDO TRABALHISTA CRISTÃO
TITO MAGNO DE OLIVEIRA GARCIA Vereador ESTÂNCIA PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO DEMOCRATAS
IRACI ALVES SANTANA DE SALES Vice-Prefeito GARARU DEMOCRATAS PARTIDO SOCIAL CRISTÃO
JUAREZ ALVES DE OLIVEIRA Vereador GARARU DEMOCRATAS PARTIDO TRABALHISTA BRASILEIRO
VALDEMIR GUILHERME DA SILVA Vereador GARARU DEMOCRATAS PARTIDO TRABALHISTA BRASILEIRO

terça-feira, novembro 15, 2011

Dono de ONG é mais um a desmentir Lupi ao confirmar voo com ministro


Dono de ONG é mais um a desmentir Lupi ao confirmar voo com ministro

GosteiNão gostei
Enviado 19 vezes

O dono da entidade Pró-Cerrado, Adair Meira, disse em entrevista ao Estado na noite de ontem que viajou com o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, num avião particular durante visita oficial a cidades maranhenses em dezembro de 2009. 'Eu viajei com o ministro num trecho, isso eu confirmo', afirmou.

A confirmação desmente a declaração dada pelo ministro à Câmara dos Deputados na semana passada de que não conhecia o dono da Pró-Cerrado nem voara com ele. 'Nunca andei em jatinho de Adair, não o conheço. Não tenho nenhum tipo de relação com ele', afirmou Lupi. Ao Estado, Adair Meira foi categórico: 'O ministro está confuso em dar esta declaração'.

O voo compartilhado por Lupi com Adair, um empresário-ongueiro que mantém contratos suspeitos justamente com a pasta comandada pelo presidente licenciado do PDT, coloca o ministro em rota de colisão com o Congresso e com o Planalto.

O dono da Pró-Cerrado afirmou ao Estado que indicou a aeronave a ser alugada para a viagem, mas negou que tenha arcado com os custos. 'Eu não paguei. Eu indiquei a companhia', disse. O avião King Air usado na viagem foi alugado numa empresa de táxi aéreo de Goiânia, sede da entidade Pró-Cerrado.

Adair disse que atendeu a um convite do ex-secretário de Políticas Públicas de Emprego Ezequiel Nascimento para ir de Brasília a Grajaú, no Maranhão, em dezembro de 2009. O tour que reuniu ministro, assessores e o empresário foi para promover um programa do ministério de qualificação profissional. Segundo o empresário, o ministro Carlos Lupi não estava no voo desde de Brasília. 'Eu viajei com o ministro, acredito, no trecho entre Imperatriz e Timon', disse o dono da Pró-Cerrado, entidade que já recebeu R$ 13,9 milhões do Ministério do Trabalho e é suspeita de desvio de recursos.

Adair confirmou que, além de Lupi, estavam na aeronave o ex-governador do Maranhão Jackson Lago (já falecido), Ezequiel Nascimento e Weverton Rocha, ex-assessor de Lupi.

Em sua defesa, Lupi alegou que o PDT pagou as despesas daquelas viagens ao Maranhão. 'Eu não sei quem pagou. Acho que essa versão de que foi o PDT pode ser verdade', disse Meira.

A ONG. Com foco de atuação na formação profissional do jovem, a Pró-Cerrado foi beneficiada com R$ 13,98 milhões em oito convênios assinados desde 2008 com o ministério de Lupi.

Dados do Portal da Transparência do governo federal revelam que a ONG criada em 1994, em Goiânia, já recebeu a maior parte do dinheiro. Apenas os últimos desembolsos somaram quase R$ 5 milhões.

Os volumes mais expressivos de pagamentos foram feitos no primeiro semestre deste ano, quando a fundação já era apontada como uma ONG com suspeitas de irregularidades e depois da aproximação de Lupi com Adair.

No final de março, a Pró-Cerrado chegou a receber de uma só vez R$ 1,14 milhão para desenvolver programa de qualificação profissional de 4.626 trabalhadores em Goiás, Pernambuco e Paraná. Esse convênio prevê um desembolso total de R$ 3,8 milhões, com um custo de R$ 828,39 por trabalhador.

O último pagamento foi feito há pouco mais de um mês, no início de outubro, quando foram liberados R$ 450 mil para um convênio de qualificação de 2.020 profissionais, com curso de formação de carpinteiro, pedreiro e encarregado de obras civis na região do município de Ipojuca, em Pernambuco. Nesse convênio, cada curso vai custar R$ 743 por trabalhador. Em outro convênio, a Pró-Cerrado recebeu R$ 1,88 milhão para treinar 2.505 profissionais afrodescendentes. Custo por trabalhador: R$ 750,50.

As informações do Portal da Transparência mostram ainda que quase 13% de todos o dinheiro de convênios assinados entre Trabalho e municípios de Goiás foram para a Pró-Cerrado.

Ver Comentários

Amorim diz que alianças para 2012 estarão vinculadas a 2014 e que "candidatura" de Jackson é natural, mas não tem o apoio do grupo


Amorim diz que alianças para 2012 estarão vinculadas a 2014 e que "candidatura" de Jackson é natural, mas não tem o apoio do grupo


Foto: Douglas Carvalho / NE

O presidente estadual do PTB Edvan Amorim, concedeu entrevista na manhã desta quinta-feira (10) ao jornalista Gilmar Carvalho na Rede Ilha de Comunicação.

Gilmar Carvalho e Edvan Amorim

ARACAJU

Sobre a eleição para prefeito de Aracaju, Edvan não descartou a possibilidade de apoiar um candidato do PT, o deputado federal Almeida Lima (PPS), o deputado federal Valadares Filho (PSB), deputado estadual Adelson Barreto (PSB) ou o deputado federal Laércio Oliveira (PR).

Ele confirmou que vem conversando com os Valadares, pai (senador) e filho, sobre a possibilidade de apoio a um candidato do PSB. Mas foi claro ao dizer que qualquer discussão sobre a eleição de 2012 terá que vincular compromissos para as eleições de 2014.

Amorim também disse que o grupo pode apoiar candidato do PT, o deputado Almeida Lima ou mesmo lançar a candidatura de Laércio Oliveira. A definição, segundo ele, deve ocorrer somente depois do mês de abril.

GOVERNABILIDADE

Durante toda a entrevista, Amorim disse que o grupo que lidera ao lado de seu irmão, Eduardo, não terá a aliança com o governador Marcelo Déda (PT), mesmo que tenham candidatos diferentes nas eleições para prefeito de Aracaju.

JACKSON

Quando questionado sobre a declaração do vice-governador Jackson Barreto (PMDB), de que, se Déda se descompatibilizar do cargo para ser candidato a senador, não abrirá mão de disputar o governo, Amorim disse que é compreensível a posição do peemedebista, mas esse é um projeto que não tem seu apoio: “é natural, e não vejo nada demais na posição do vice-governador, mas o nosso grupo já decidiu que terá candidato em 2014”.

Mesmo assim, Edvan fez questão de ressaltar a posição do grupo de não descartar alianças: “nosso projeto é apoiar o novo”.

OUTROS MUNICÍPIOS

Amorim confirmou o apoio do grupo a reeleição do prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Fábio Henrique (PDT).

Os demais municípios do Estado, com exceção de Nossa Senhora da Glória a posição é de apoio à reeleição da prefeita Luana Oliveira, a decisão será tomada pouco antes das convenções.
Fonte/Autor: nenoticias

segunda-feira, novembro 07, 2011

CONVITE – Plenário da Câmara de Canindé será inaugurado sexta-feira


O Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Canindé de São Francisco, Joselildo Almeida do Nascimento, convida para prestigiar o Evento de Inauguração do Plenário “Ademar Rodrigues de Assis”, no dia 11 de Novembro de 2011.




Programação:

15h – Solenidade de Inauguração do Plenário Ademar Rodrigues de Assis.

15h30h - Entrega dos Títulos de Cidadão Canindeense.

19h – Janta para os convidados no Clube Altemar Dutra.

20h – Show com Banda no Clube Altemar Dutra.



RELAÇAO DOS HOMENAGEADOS
11 DE NOVEMBRO DE 2011

Vereador Joselildo Almeida do Nascimento
Homenageado - ADERALDO RODRIGUES CALDEIRA (Decreto nº 07/2011 de 03/11/2011)
Homenageado – RENNER ALVES DE MOURA (Decreto nº 06/2011 de 03/11/2011)
Homenageado – ALBERTO JORGE FRANCO VIEIRA (Decreto nº 13/2011 de 09/11/2011)
Homenageado – LUIZ GENICIO CARDOSO FERREIRA (Decreto nº 10/2011 de 09/11/2011)

Vereador José Juarez dos Santos
Homenageado – ISAQUE CORDEIRO COSTA (Decreto nº 14/2011 de 09/11/2011)
Homenageado – JOSÉ NAPOLEÃO GOMES JULIÃO (Decreto nº 15/2011 de 09/11/2011)
Homenageado – MIZAEL BATISTA DE SOUZA (Decreto nº 16/2011 de 09/11/2011)

Vereador Adriano de Santana Feitosa
Homenageado - WERTER MORAIS ALMEIDA (Decreto nº 05/2006 de 20/12/2006)
Homenageado – EGÍDIO ALEXANDRE DA COSTA (Decreto nº 09/2011 de 09/11/2011)
Homenageado – PAULO BARBOSA DE DEUS (Decreto nº 01/2011 de 20/04/2011)
Homenageado - AROALDO ALVES DE SANTANA (Decreto nº 07/1995 de 25/04/1995)

Vereador Luciano Ferreira da Silva
Homenageado – CÉSAR AUGUSTO MELO CARVALHO (Decreto nº 05/2011 de 03/11/2011)
Homenageado – GENALDO RODRIGUES DOS SANTOS (Decreto nº 11/2011 de 09/11/2011)

Vereador Edimilson Gomes dos Santos
Homenageado – JESCEJEIME DE ANDRADE JUNIOR (Decreto nº 09/2011 de 09/11/2011)

Vereador José Wilton de Souza Valença
Homenageado – MURILO PORTO DE ANDRADE (Decreto nº 17/2011 de 09/11/2011)

Vereador José Antonio Soares
Homenageado – JACKSON BARRETO DE LIMA (Decreto nº 04/2011 de 03/11/2011)
Homenageado – ANTONIO CARLOS PORTO DE ANDRADE (Decreto nº 12/2011 de 09/11/2011)

Vereador Linduarte Caetano Torres
Homenageado – VIRGINIO JOSE DE CARVALHO NETO (Decreto nº 18/2011 de 09/11/2011)
Homenageado – ERISVALDO OLIVEIRA MIRANDA (Decreto nº 19/2011 de 09/11/2011)

Vereador José Renato Santos
Homenageado – ARIOVALDO DE SOUZA LIMA (Decreto nº 20/2011 de 09/11/2011)















Estado de Sergipe
Câmara Municipal de Canindé de São Francisco





Título de Cidadão Honorário


O Presidente da Câmara Municipal de Canindé de São Francisco, JOSELILDO ALMEIDA DO NASCIMENTO, tendo o presente termo do Decreto 06/2011 de 03/11/2011, confere ao Senhor.


RENNER ALVES DE MOURA
O Título de Cidadão Honorário

Canindé de São Francisco/SE, 11 de novembro de 2011.

Vereador Autor:
Joselildo Almeida do Nascimento

quarta-feira, outubro 26, 2011

ENTREVISTA VEREADOR PANK PRESIDENTE DA CAMARA DE CANINDE





“O trabalho será desenvolvido com transparência e seriedade”

Por Claudio Vasconcelos

Em entrevista na redação do Jornal do Sertão, na quinta-feira, 20, o presidente do Poder Legislativo, Joselildo Almeida (Pank) PV , disse que continuará contribuindo com o desenvolvimento do município. Sua meta é trabalhar de forma honesta e transparente com todas as bancadas partidárias e com a comunidade Canindeense. “Quero que o município continue crescendo. Vamos fazer o que for possível para dar condições dignas de vida aos cidadãos”, afirma.

Passados o primeiro semestre s na Presidência da Câmara, o senhor diria que tem o domínio de todas as atribuições do cargo?

PANK - - Acredito que estou inteirado de como os processos funcionam, o que não significa que as coisas são fáceis. É muita coisa.

O que é mais complicado?


PANK - - A questão política é a mais complicada, porque você lidera líderes aqui dentro. Fazendo uma analogia com a Prefeitura. O prefeito lidera liderados. As pessoas respondem ao prefeito. Aqui, embora seja o presidente, os vereadores têm vontade própria. E cada um age de acordo com o que pensa. Então é a parte política a mais desafiadora. Questão administrativa é tranqüila. O corpo administrativo aqui é fora de série. O pessoal trabalha bem. É tudo certinho. Mas a parte política é mais desafiadora aqui dentro. Essa coisa de articular, conversar, vai e vem e puxa e aquela coisa toda é a mais complicada. Eu lidero líderes.


Mas o senhor conhece em detalhes o funcionamento da Câmara?

PANK - - Não me preocupo, por exemplo, em cuidar de processos licitatórios. Sei o que está sendo tratado, sei o que entra e o que sai, mas não me apego aos detalhes. Até porque tenho pessoas que estão aqui trabalhando para isso. Delego e cobro.

Falando na imagem que a população tem como o senhor avalia esse relacionamento "povo e Câmara"?


Pank - Reconheço que o Poder Legislativo estava desgastado junto à população. Não fui vereador na última legislação, mas freqüentava a Câmara sempre que possível. A população não assistia mais às sessões, houve um desestímulo generalizado e buscar esta reconquista foi uma das nossas metas. O vereador tem que fiscalizar o Legislativo e o povo deve fiscalizar as nossas ações. Graças a Deus essa meta foi alcançada. Hoje, nos dias de sessão, seja especial ou não, o plenário está sempre lotado, a população tem voz e vez na nossa Casa e será assim enquanto eu estiver presidindo a Mesa Diretora. Qualquer um tem acesso ao meu gabinete e estou durante os dois turnos atendendo a todos com muita satisfação.






O que é feito com os resultados das sessões itinerantes?

PANK - A Câmara, nas duas sessões itinerantes [uma no povoado Capim Grosso e a outra no povoado Curituba ), pegou as reivindicações da comunidade e encaminhou para a Prefeitura, por meio de moções. E é isso que cabe a Câmara de Vereadores. Agora é cobrar. Querendo ou não, na verdade, o vereador foi feito para legislar e fiscalizar. A gente legislou ao enviar as moções e vai fiscalizar cobrando ações.






A cidade está elogiando muito o programa "Câmara Itinerante". Como ele funciona e qual o objetivo?

PANK - A "Câmara Itinerante" consiste numa programação diferenciada para a realização das sessões ordinárias do Legislativo e tem o objetivo de aproximar o Poder Legislativo da comunidade, oportunizando o conhecimento dos problemas específicos dos bairros e distritos visitados, além da busca conjunta (vereadores e moradores) de soluções para os mesmos. Já visitamos os povoados Capim Grosso e Curituba. Este é o nosso objetivo: ouvir e ajudar a população.


O senhor avalia sua administração como transparente?


PANK - O agente público precisa respeitar e ser respeitado, e para isso tem que trabalhar com muita transparência e honestidade, que aliás é o slogan da nossa gestão, temos que fazer jus a ela. As contas da Câmara ficam disponíveis para os vereadores, para a população. Tenho interesse de que a população saiba como estamos administrando bem o dinheiro público.

Quais são as expectativas para o decorrer do mandato?


Pank - Enquanto Presidente estarei sempre trabalhando com honradez para que no término do meu mandato os vereadores, a comunidade e a imprensa não tenham como repudiar minha administração. Depois, como vereador, continuarei sempre trabalhando em prol da sociedade com o mesmo entusiasmo e dedicação.

quarta-feira, outubro 19, 2011

O Blefe e o Jogador (O caso da renúncia de Frei Enoque)


O Blefe e o Jogador (O caso da renúncia de Frei Enoque)


por RANGEL ALVES DA COSTA*

No jogo de azar, chama-se blefe o recurso empregado pelo jogador para enganar o adversário, fazendo estardalhaço e fingindo estar com determinadas cartas, quando na verdade está com cartas completamente diferentes.

Do mesmo modo, seria enganar por falsas aparências, especialmente de superioridade de força ou situação vantajosa; beneficiar-se fazendo os oponentes acreditarem numa situação diversa da real.

Na política, por mais que eleitores e adversários insistam em não ter os devidos cuidados, o blefe é mais corriqueiro do que se imagina. Ora, o político em reconhecida desvantagem passa a criar uma situação que faz despertar as massas, procura simular um fato que o faça novamente lembrado. E se a circunstância o colocar como vítima, então o blefe poderá produzir as maiores consequencias.

Exemplo claro de blefe na política é essa história que o próprio Frei Enoque, prefeito de Poço Redondo, ardilosamente criou, inventou como somente ele é capaz de urdir, acerca de sua iminente renúncia, e fez espalhar a boataria de boca em boca, de rincão a rincão no município e além fronteiras.

Verdade é que se sentindo fragilizado politicamente, vendo seu reinado impiedoso desmoronar pela revolta do próprio povo e pelo despertar da morosa justiça, logo começou a maquinar um fato novo que o tornasse vítima, injustiçado e sem o apoio que merecia. E para tal colocou – acreditem! – a própria Igreja como seu algoz.

Segundo o boato espalhado, o Vaticano enviou comunicado às Dioceses pedindo providências sobre a situação dos sacerdotes que estavam querendo conduzir dois rebanhos ao mesmo tempo: os fiéis e os eleitores. Aqueles que optassem pela política partidária, disputando ou assumindo cargos eletivos, teriam que escolher entre a cruz ou o sufrágio.

E já no terceiro mandato do Frei Enoque, no instante em que os processos judiciais e administrativos por improbidade administrativa ameaçam lhe tomar o poder, e, consequentemente, sem grandes perspectivas de garantir reeleição, eis que mandou espalhar que iria renunciar por conta das exigências da Igreja.

Essa história sobre a orientação da Igreja, no sentido de que seus pastores façam a opção entre a política e a vida eclesiástica não é nova não. Antes mesmo que Enoque fizesse da igreja matriz de Poço Redondo um vergonhoso palanque para chegar ao poder, tal fato já existia e nunca deu em nada.

E por quê? Ora, simplesmente porque é no poder político que a Igreja também se sustenta. Tanto é assim que nunca o colocou na parede, nunca exigiu que largasse de vez a batina e fosse morar de vez, como é o seu perpétuo sonho, na Av. Poço Redondo, local sede da prefeitura.

O que se revela nesse instante é aquilo que o sertanejo chama de estória pra boi dormir, de mais deslavado blefe. Assim, espalhando que a Igreja está fazendo tal exigência, ao optar por continuar na política o fará para estar ao lado do povo, porque gosta do povo, porque nasceu para administrar para o povo. E então mandará espalhar que já que decidiu ficar com o povo, então espera que a comunidade também reconheça o seu esforço e lhe dê mais uma chance na disputa do próximo pleito.

Ora, Enoque acertou o jogo com a Igreja, porém esqueceu-se de perguntar ao povo se quer que ele renuncie ou não; esqueceu de perguntar ao Tribunal de Contas e ao Poder Judiciário se querem que ele continue no poder ou não; esqueceu de se perguntar, por todo o mal cometido, se a justiça divina lhe absolverá ou não.

Portanto, essa história de renúncia foi apenas mais uma das artimanhas utilizadas para seus eleitores acharem que a Igreja estaria sendo injusta com ele, exigindo que deixasse a prefeitura logo agora que já está perto do seu 12º ano de poder, e que tudo fariam para continuar demonstrando a confiança de sempre. E todo o município ouviria que Enoque, ao decidir não atender a Igreja, optou por continuar ao lado do povo. E juro que tem gente que até se derramará em lágrimas.

E agora, quando o anjo caído começar a bater novamente suas asas, somente a água benta da justiça ou o rosário do povo para nos livrar de todo o mal. De antemão, me benzo e oro pelo meu Poço Redondo.

---

(*) Poeta e cronista
e-mail: rangel_adv1@hotmail.com
blograngel-sertao.blogspot.com




--------------------------------------------------------------------------------

sexta-feira, outubro 14, 2011

Pastor Heleno destacou a importância da unidade das oposições para vencer a próxima eleição em Canindé/SE




Com o discurso mais inflamado, ele disse estar ali para somar
Já no inicio de seu pronunciamento, durante a posse da nova presidenta do diretório municipal do PSB em Canindé/SE, o Pastor Heleno disse que “o problema do incompetente é achar que pode ganhar as coisas no tapetão”. Ele se referia a tentativa constante daqueles que se opõem a Rosa Maria como candidata a prefeita em 2012, usar pessoas para tentarem na justiça barrar a candidatura dela.

Ele disse que o povo de Canindé, sabe o que quer, e não vai aceitar que se tente ludibriá-lo com botijões de gás, tijolos, colchões e que a cidade ta muito aquém de onde poderia estar. Falando para o povo, Heleno ainda disse que a administração atual, isso em referência ao prefeito Orlandinho, tem procurado maquiar a situação quando se inaugura obras estaduais e federais e se tenta passar a impressão que são feitos da prefeitura.

Para Heleno, essa situação tem despertado no povo uma vontade de mudança. Ele deixou claro que estava ali para somar no projeto de retirar do poder os que hoje estão na prefeitura.


E para finalizar o deputado afirmou diretamente a Rosa Maria que para ele “não há a egoísmo, não há loucura de sair contra tudo e contra todos” Ele estava ali “para somar, para o município seja mudado”. E no encerramento de sua fala, Pastor Heleno fez uma declaração importante para as próximas eleições de Canindé. “Eu vou dizer algo muito forte aqui. Eu e Você (Rosa) e o povo, vamos estar juntos”.

fonte noticias do sertao

quinta-feira, outubro 06, 2011

Heleno destaca política como ferramenta para fazer o bem


Quando se fala em eleições, muitos políticos engolem em seco diante do teste de aprovação de seus mandatos nas urnas. O deputado federal Heleno Silva (SE) vai na contramão desses e não esconde o entusiasmo diante da proximidade das eleições de 2012. Pré-candidato a prefeito na cidade de Canindé de São Francisco, Heleno prevê um acentuado crescimento do PRB em seu estado, desempenho movido pela credibilidade dos quadros do partido e pela identificação do cidadão com "uma sigla que não tem dono, mas programa. Que não tem cacique, mas participação efetiva de toda a militância". Tanta confiança se baseia em uma constatação: "O PRB resgata a política como a ferramenta para fazer o bem ao próximo."

1 - O senhor é um dos parlamentares republicanos com maior entusiasmo com relação às próximas eleições. Qual o motivo desse entusiasmo?
Heleno Silva - Tenho certeza de que nós, do PRB, chegamos a um momento em que poderemos contribuir efetivamente para o desenvolvimento do Brasil, assumindo funções no executivo, administrando prefeituras e, futuramente, tendo candidatos aos governos estaduais. Por isso, há toda uma movimentação no partido, no sentindo de termos candidatos com qualidade para contribuir para os desenvolvimentos municipais, até como forma de demonstrar a competência e a probidade do partido para gerir recursos e para trabalhar pela viabilização das cidades. Isso pode ser visto pela qualificação e quantidade de pré-candidatos que temos em todo o Brasil.

2 - O PRB tem metas audaciosas com relação às próximas eleições. Em seu estado, Sergipe, por exemplo, o senhor acha que é possível alcançá-las?
Heleno Silva - Sim. Devemos eleger no estado, no mínimo, 10% dos prefeitos. Temos hoje 10 pré-candidatos com chances reais de vitória. Nós, apesar de sermos um partido novo, temos sido muito procurados em virtude de nossa credibilidade e por não sermos um partido com "donos" ou "caciques". Por isso, temos recebido uma grande procura por parte de pré-candidatos que querem compromissos programáticos e não adesão a projetos pessoais.

3 - Qual a o papel da militância e como o senhor incentiva essa participação?
Heleno Silva - Buscamos mostrar o que o nosso partido tem de melhor para os municípios, que é exatamente a valorização do ser humano, trabalhando nas políticas públicas que priorizem a saúde e a educação. No meu caso, no meu estado, com um forte componente de combate à pobreza, já que nós no Nordeste temos ainda altos índices de pessoas na extrema pobreza. Então, buscamos mostrar que o nosso partido tem a preocupação prioritária com o ser humano e que nossa política é em cima da valorização deste. Por isso, temos recebido a confiança em nosso trabalho e a mobilização das comunidades em torno de nosso projeto. Inclusive com altos índices de filiação.

4 - Como motivar a participação política do cidadão em um momento de descrédito em relação à política?
Heleno Silva - Eu acredito que você tem que transmitir às pessoas sua visão política plenamente associada com a vida delas. Uma política voltada para a atenção dos problemas do cidadão no cotidiano. Além disso, tem que ser passada uma visão de esperança em um futuro melhor. Temos que mostrar ao cidadão que a política não foi feita para o benefício dos próprios políticos, mas sim como um instrumento de intervenção e modificação da realidade. Como uma ferramenta maravilhosa para fazer o bem ao próximo. Essa é a minha ideia. A de melhorar a qualidade de vida do povo e de fazer esse povo ter uma participação ativa na administração do que é de todos. De fazer o povo plenamente integrado a essas discussões. Essa é minha proposta na cidade onde lancei oficialmente minha pré-candidatura a prefeito, em Canindé do São Francisco.

5 - O senhor é um político com uma história ligada ao homem do campo, tendo sido inclusive secretário estadual de Agricultura. Como o senhor avalia a vida do agricultor brasileiro?
Heleno Silva - Melhoramos muito, principalmente o ramo da agricultura familiar a partir da chegada do presidente Lula, com quem os recursos para a agricultura familiar quadriplicaram. O agronegócio, que é a agricultura em escala industrial, vai muito bem obrigado, sendo um dos destaques na nossa pauta de exportações. O que não quer dizer que deva ser esquecido. Mas o setor da agricultura familiar ainda precisa de mais atenção, principalmente porque é responsável por colocar na mesa dos brasileiros 80% do que estes consomem. Hoje, esse pequeno agricultor tem uma situação melhor, com financiamentos com juros subsidiados, mas nós temos um grande desafio que é resolver a questão das dívidas desses agricultores. Dívidas essas que vieram dos anos 90, época do Fernando Henrique Cardoso, quando foram indexados vários índices de inflação, o que deixou várias unidades de produção inviabilizadas. Essa é inclusive uma das prioridades de meu mandato na Câmara Federal: lu tar para que haja uma renegociação diferenciada dessas dívidas para a região Nordeste, porque é uma região diferenciada. O Nordeste e o Norte não podem ser vistos como as regiões Sul e Sudeste, porque têm realidades sociais, culturais, geográficas e históricas diferentes.

6 - Como o senhor avalia o PRB diante desse momento de mudanças?
Heleno Silva - O PRB significa o novo. O partido já conta com uma credibilidade muito grande em todo o Brasil. Nós mostramos que, diferentemente de outras siglas pequenas, não somos um partido de aluguel. Nós temos propostas para os estados e municípios. Isso, junto com a chegada do presidente Marcos Pereira, possibilitou um crescimento ainda maior para o partido. Eu até brinco dizendo que em cinco meses crescemos cinco anos. O presidente tem escutado muito, tem se reunido com todo o partido, visitado todas as regiões. Com isso, ele escuta as bases e conhece a visão de cada uma, promovendo a descentralização que vai agregar ainda mais e dar ainda mais confiança ao filiado de que ele faz parte de um partido. O PRB é um partido que veio para ficar e para mudar a política brasileira.

7 - Que experiência o senhor leva do Congresso para sua candidatura?
Heleno Silva - A experiência da negociação sem negociata. O conhecimento das ferramentas constitucionais e legais para obtenção dos recursos que se fazem necessários para o desenvolvimento social de minha região. O contato e o respeito recíproco com a bancada federal de meu partido, que será fundamental para conseguir mais recursos do poder federal. Obtive experiência em orçamento e na elaboração de projetos. É uma experiência de 12 anos de legislativo que agora será aplicada no Executivo. Saindo do campo da formulação de leis e projetos, para a fase de execução.

8 - O que seria fazer uma administração 10 para o senhor?
Heleno Silva - Nosso programa está consolidado em um tripé de ações: saúde, geração de empregos e educação. Não podemos sonhar que os jovens vençam a barreira social da pobreza sem que se tenha uma educação de qualidade. Uma vez, eu fiz uma pergunta em um programa de rádio que apresentava: "Qual o sonho das crianças e jovens de Canindé?" E foi emocionante ver as respostas nas 105 mensagens que recebi. As crianças dos bairros mais pobres diziam que queriam ser médicas, veterinárias, engenheiras... Eu vi que os pobres também sonham. Infelizmente, o Brasil não tem dado condições para que os jovens realizem esses sonhos. Eu acredito que, em Canindé do São Francisco, o PRB dará todas as condições para que os jovens e crianças realizem esses sonhos.

Entrevista concedida ao PRB

fonte universo politico

Presidente da OAB fala sobre importância do Exame da Ordem



O presidente da OAB, está em Sergipe para participar da Conferência Estadual dos Advogados de Sergipe, que inicia nesta quinta-feira, 06
05/10/2011 - 22:33


O presidente nacional da Ordem dos Advogados (OAB), Ophir Cavalcante, concedeu uma entrevista na tarde desta quarta-feira, 5, no Hotel Celi, na Orla de Atalaia, onde, incitado por jornalistas, abordou vários temas. O presidente da OAB, está em Sergipe para participar da Conferência Estadual dos Advogados de Sergipe, que inicia nesta quinta-feira, 5, e segue até o próxima sexta-feira, 7.

Portal Infonet- Qual a expectativa para a abertura da Conferência Estadual dos Advogados de Sergipe?
Ophir Cavalcante – É uma grande satisfação estar em Aracaju e participar desta Conferência. Sergipe é um grande baluarte para a advocacia brasileira, tivemos grandes presidentes a exemplo de Henry Clay Andrade e vários outros. Sergipe sempre vem honrando os nomes de grandes juristas que aqui tiveram como Tobias Barreto. Esta conferência é uma preparação para a Conferência nacional que vai acontecer em Curitiba, entre 20 e 24 de novembro, e a OAB estadual de Sregipe é uma das mais bem estruturadas e organizadas do Brasil.

Infonet- Qual a posição da OAB referente a polêmica criada sobre o Exame da Ordem?
OC – Infelizmente, no Brasil inteiro, - sendo Sergipe uma das poucas exceções e que deveria ser a regra, porque teve quase 70% de aprovação, muitos alunos não conseguem a aprovação,- e colocam o exame da ordem como um obstáculo. As universidade não podem ser uma indústria de diplomas, devemos cobrar do governo que fiscalize as instituições, com um maior rigor, e se possível fechem alguns cursos ou diminuam o número de vagas. O Exame da Ordem é um rito de passagem importante para que seja feito esse casamento entre a advocacia e a cidadania.

Infonet- Como a OAB vê a quebra de braço entre o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Poder Judiciário?
OC – O judiciário precisa ter a concepção que é um Poder da República, é um Poder do povo brasileiro, e com isso ele [judiciário] não pode utilizar a sua independência para fortalecer os seus magistrados, e sim, para defender a sociedade. Então todos os poderes devem ter seus integrantes fiscalizados, através de mecanismos democráticos e que respeitem sempre o processo legal. Retirar do CNJ o poder de fiscalizar os juízes é ferir de morte a integridade do conselho. Diga de passagem, que a proporção de magistrados para representantes da sociedade é desigual. São nove magistrados e seis da sociedade, dividido em dois da OAB, dois do Ministério Público, um do Senado e outro da Câmara dos Deputados.

Infonet- Como a OAB vê a faxina feita pela presidente Dilma Rousseff?

OC – A ordem não tem qualquer vinculação partidária e tem um posicionamento que caracteriza a advocacia brasileira, que é liberdade e independência. Se a presidente estiver no caminho em que corrija o desvio de condutas éticas, ela terá total apoio da nossa entidade. Agora se evidentemente não estiver dentro desse caminho, receberá como sempre temos feitos, as críticas e as cobranças por parte da Ordem dos Advogados do Brasil. O ordem não tem nenhum compromisso com o erro, o nosso compromisso é com as questões éticas, e é isso que faz a nossa credibilidade.

Infonet- Qual a visão da OAB sobre as mudanças do Código Penal Brasileiro, a respeito do pagamento de fiança?
OC - Nos Estados Unidos, se tem um costume de aplicar fianças muito altas para poder liberar as pessoas. E eles têm uma democracia muito mais antiga que a nossa. Há um ditado aqui no Brasil que diz a parte mais sensível do corpo humano é o bolso. A prisão lamentavelmente não recupera ninguém, ela não faz ninguém melhor, apenas pior, portanto a prisão não é a solução. Então a pena deve ser aplicada, deve ser sempre buscada pelo juiz, mais se houver a possibilidade de uma pena alternativa, através da aplicação de multa altíssima é uma forma de punição. A lei brasileira é extremamente dura e o que a ordem busca é que os processos judiciais deste país não demorem tanto para a conclusão.

Por Danilo Cardoso

quarta-feira, outubro 05, 2011

Vereadores de Canindé prestigiam inauguração do Terminal Rodoviário



Com a presença dos vereadores de Canindé, mais uma importante obra foi inaugurada no município. O governador Marcelo Deda juntamente com o prefeito Orlandinho Andrade ao lado do Diretor do Banco Mundial para o Brasil, Makhtar Diop, e demais autoridades políticas, realizaram mais um sonho dos canindeenses. O terminal Rodoviário é fruto de uma parceria do governo do estado que criou o Programa Sergipe Cidades e a prefeitura de Canindé de São Francisco.
Os vereadores na sua maioria falaram que Canindé vive um momento histórico, e os canindeenses ansiavam por esse momento.
O presidente da Câmara de Canindé, Joselildo Almeida (Pank), salientou da importância do poder legislativo nessa concretização desse sonho. Pank falou da importância do governador Marcelo Deda para o município onde tem ajudado a cidade com varias obras de cunho social, transformando a vida de muita gente.

sábado, outubro 01, 2011

Terminal Rodoviário é inaugurado em Canindé/SE


O governador de Sergipe, Marcelo Déda, esteve em Canindé de São Francisco/SE, na noite desta segunda-feira, 26, para, ao lado do prefeito Orlandinho Andrade, do diretor do Banco Mundial para o Brasil, Makhtar Diop, de autoridades políticas e de dezenas de moradores da cidade, inaugurar o novo terminal rodoviário no município. Investimento orçado em R$ 1.113.241,89 (recursos do BNDES).
A construção do terminal está inserida no Programa Sergipe Cidades, criado pelo Governo de Sergipe com o intuito de investir nas vocações econômicas dos municípios, possibilitando o aumento na geração de emprego e renda. O terminal compreende uma área total de 2.761,20 m², localizado no quilômetro inicial da Rodovia Juscelino Kubitschek (SE 230) - que liga Canindé à cidade baiana de Paulo Afonso, dispõe de três guichês, uma sala administrativa, uma sala de passageiros, uma lanchonete, um depósito, quatro banheiros - sendo que dois deles são destinados à pessoas com deficiência física -, uma espaçosa área de circulação, um amplo estacionamento para visitantes e plataforma de embarque e desembarque.
O prefeito Orlandinho Andrade enfatizou sobre a importante parceria firmada entre governo municipal e estadual, fator importante para o desenvolvimento da região. "A cidade vive hoje em pleno processo de desenvolvimento, um verdadeiro canteiro de obras. Cada vez que alguém retorna a Canindé vê o crescimento do município, sente que o município é impulsionado pelo progresso e isso é porque temos a parceria do Governo do Estado.", afirmou Orlandinho.
Conforme palavras do governador Marcelo Déda, a melhoria vem para se somar à série de investimentos recentes do governo estadual em benefício da região, a exemplo da Rota do Sertão, que tem favorecido o deslocamento da população e o escoamento da produção agrícola local. Outros investimentos citados foram a construção de um ginásio de esportes e o assentamento de 1.200 famílias que viviam às margens da rodovia SE 230, além de investimentos voltados à irrigação e ao transporte da produção dos pequenos agricultores até os mercados consumidores. (fonte: Agência Sergipe de Notícias)
O governador comentou também sobre o desenvolvimento turístico do município - sendo hoje o segundo destino turístico mais procurado do estado e um dos 50 novos destinos do Brasil que integram o Plano de Competitividade do Turismo, coordenado pelo Governo Federal - enfatizando as belezas naturais da região, a exemplo do Canion de Xingó, beleza única que encantou todo o país através de imagens exibidas na novela das 6:00h da Rede Globo, Cordel Encantado.

Novo hospital
Após a inauguração do terminal a comitiva se deslocou até as dependências do novo hospital municipal para acompanhar o andamento das obras de construção, proveniente de uma parceria entre Estado e Município.
Segundo o secretário de Gestão Governamental e Meio Ambiente de Canindé, Kaká Andrade, R$ 4 milhões de reais já foram gastos na obra, sendo metade do Estado e a outra metade do Município. "A parte interna já está bem adiantada e deverá ser concluída em 90 dias, mas teremos ainda as obras no entorno. Seguramente, será um dos mais modernos hospitais do Estado, com 66 leitos e dois centros cirúrgicos", comentou Kaká.

quinta-feira, setembro 29, 2011

Irrigação Pública torna Canindé o maior produtor de quiabo e goiaba do Estado







Localizado no município de Canindé de São Francisco, no Alto Sertão sergipano, o Perímetro Irrigado Califórnia, administrado pela Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro), se tornou referência no cultivo e comercialização de quiabo e goiaba. Com auxílio da irrigação pública e da assistência técnica da companhia, os lotes familiares produzem cerca de 10.000 toneladas da hortaliça e 4.800t da fruta por ano. As duas culturas são tão fortes na cidade que merecem até comemoração. Com entusiasmo, os moradores se mobilizam para a IV Festa do Quiabo e II Festival da Goiaba, que acontecem simultaneamente a partir de sexta-feira, 30.

O chefe do perímetro Califórnia, o engenheiro agrônomo José Gomes, afirma que o cultivo do quiabo está presente em cerca de 230 lotes. “A cultura do quiabo de Canindé é responsável por injetar R$5,4 milhões por ano no Estado, uma média de R$450 mil por mês. São cerca de 600 caminhões carregados todos os anos, em média 15 por semana, cada um com 15 toneladas de quiabo. Sem dúvidas, esses números fazem de Canindé o maior produtor de quiabo de Sergipe, e coloca o nosso Estado entre os maiores do Brasil”, revela Gomes.

Ainda segundo ele, a Bahia é a maior consumidora do quiabo de Canindé. “Salvador e Feira de Santana fazem da Bahia a maior compradora do quiabo produzido aqui. Cerca de 90% da nossa produção é destinada ao mercado baiano. É um alimento forte na culinária baiana, por conta do caruru e demais pratos típicos. Por isso, a Bahia é a nossa maior consumidora, seguida por Sergipe e, em terceiro lugar, Alagoas”, explica.

De acordo como agrônomo, existem fatores que explicam o sucesso do cultivo do quiabo no perímetro Califórnia. “O solo argiloso e o clima quente-seco são ideais para o plantio do quiabo, e a água de irrigação é de excelente qualidade. A mão-de-obra local está adaptada às exigências da cultura, assim como a assistência técnica da Cohidro, conhecedora da fisiologia vegetal da planta. Tudo isso contribui para o alto volume de produção e para a qualidade do produto final, que nos mercados é considerada a melhor”, explica o agrônomo.

No lote ‘4-NE-15’ de Jailton Paes dos Santos, é possível constatar a adaptabilidade do quiabo à região. Há cerca de 20 anos, Jailton se dedica ao plantio da hortaliça, e destina 1 hectare de uma área total de 4,3ha ao cultivo do quiabo ‘Santa Cruz 47’, considerado o de melhor qualidade. “O quiabo é o carro-chefe da minha plantação, que também tem milho e goiaba. É ele que paga minhas despesas do dia a dia”, diz o pequeno produtor e acrescenta que toda sua produção é vendida diretamente para Salvador. “Em época de safra, consigo colher 80 sacos de quiabo por semana. O preço do saco oscila muito. Já vendi a R$40, mas também já cheguei a comercializar por R$7 o saco”, complementa Jailton.

Ainda segundo o produtor, a assistência técnica é fundamental para o sucesso do plantio. “Os técnicos da Cohidro nos passam orientações sobre a plantação, o manejo da irrigação e adubação, e nos auxiliam no controle de pragas e doenças. É um apoio importante não só para quem planta quiabo, mas para todo pequeno produtor rural. Sem falar da irrigação gratuita. O que seria de nós sem essa água?”, declara Jailton.

A goiaba

Se o quiabo faz sucesso na região, a goiaba não fica para trás. No perímetro Califórnia, cerca de 300ha de terras são destinados ao cultivo da fruta. Por ano, cada hectare produz, aproximadamente, 16 toneladas, culminando em uma produção anual de 4.800t de goiaba. “O goiabal de Canindé ainda é recente, mas, em três anos, essa produtividade deve de estabilizar em torno de 22t/ha/ano”, projeta José Gomes.

De acordo com o chefe do perímetro, a goiaba de Canindé é saboreada até em outros países. “Há uma grande empresa pernambucana de doces, a maior do norte-nordeste no segmento, que compra nossa goiaba para fabricar doces e exporta seus produtos para outros países. Com certeza a goiaba da Canindé faz sucesso fora do Brasil também”, revela Gomes, acrescentando que são injetados no município cerca de R$6 milhões por ano com a produção de goiaba, uma média de R$500 mil por mês.

Maria do Socorro Rodrigues dos Santos, conhecida como Dona Lia, dá o exemplo de como a goiaba é importante para o pequeno produtor da região. Há seis anos, Dona Lia tira o sustento da família das frondosas goiabeiras que enchem sua propriedade rural. “Cultivar, colher e vender goiaba passou a ser a minha única atividade. Com ela, pago minhas contas e consigo dar uma vida digna a minha filha e meu neto. Em época de colheita, contrato um trabalhador para me auxiliar. Mas durante todo o ano, eu mesma toco o goiabal”, diz a produtora.

Para Antônio Roberto Ramos, um dos técnicos agrícolas da Cohidro responsáveis pela assistência aos pequenos produtores rurais, dona Lia se destaca pela aceitação a novas tecnologias. “Ela é um tipo de produtora que sempre aceita nossas orientações, se mostra aberta ao diálogo, às novidades que trazemos para o homem do campo. É por esses e outros motivos que dona Lia está acima da média na produção de goiaba, e se destaca dos demais produtores”, avalia o técnico.

O presidente da Cohidro, Mardoqueu Bodano, comemorou os números da produção em Canindé e destacou o trabalho do Governo do Estado e do Governo Federal na agricultura familiar. “A agricultura irrigada é potencial para a geração de emprego e renda na região de Canindé. Assim como a usina hidrelétrica de Xingó gera energia, o perímetro irrigado Califórnia gera emprego, renda e dignidade para os sertanejos do alto sertão sergipano. Por esses e outros motivos que a agricultura familiar é uma prioridade do governador Marcelo Déda e da presidenta Dilma”, destaca Bodano.

IV Festa do Quiabo e II Festival da Goiaba

De 30 de setembro a 1º de outubro, a Prefeitura Municipal de Canindé de São Francisco realiza dois tradicionais eventos da cidade. A IV Festa do Quiabo e II Festival da Goiaba, que acontecem simultaneamente, prometem mobilizar a comunidade local, bem como atrair turistas com uma série de shows, atividades e competições temáticas.

Segundo a moradora da cidade, Shirley Torres Rodrigues, o intuito das festividades é reafirmar a cultura e culinária do local. “É uma maneira de fortalecer a nossa cultura e expor nossa tradição a quem vem de fora”, diz. “Mais do que tradição, o quiabo e a goiaba são importantes geradoras de renda para o município. Nesse sentido a Cohidro tem um papel fundamental por manter este perímetro em Canindé, de onde sai toda essa produção e de onde muitas famílias tiram o sustento”, complementa Shirley.

Marcelo Déda recebe prefeito Luciano Bispo em audiência no paláci

O governador recebeu individualmente vários prefeitos no gabinete do Palácio de Veraneio.
Na tarde desta quinta-feira, 29, o governador Marcelo Déda recebeu individualmente vários gestores no gabinete do Palácio de Veraneio, e entre os prefeitos que participaram da reunião estava o prefeito Luciano Bispo de Itabaiana.
O prefeito Luciano levou consigo, o secretário de obras Geraldo Santana, secretário de Planejamento Luís Bispo, secretário de Saúde Roberto Bispo e o deputado Arnaldo Bispo. Segundo Luciano Bispo, na reunião ficou limitado apenas a questões relacionadas a obras de Itabaiana.
Dentre outros temas, os encontros com os prefeitos abordaram um diagnóstico sobre a ação do Governo do Estado nos respectivos municípios, incluindo obras e serviços, além de reivindicações e sugestões dos administradores municipais.
Na conversa com Déda, Luciano tratou os seguintes pontos: Distrito Industrial, Ceasa, gasoduto, termino das clinicas e um Ginásio de Esportes. A praça esportiva é uma promessa de campanha do governador Marcelo Déda, que segundo Luciano está entusiasmado para realização da obra.
Ainda na reunião Déda recebeu os prefeitos: Enoque Salvador de Melo (Poço Redondo), Jailton Rocha (Cedro de São João), Antônio Dórea (Poço Verde), Luciano Bispo (Itabaiana), Ivan Leite (Estância), Fábio Henrique (Nossa Senhora do Socorro), e Ricardo Roriz (Santana do São Francisco).
Conclusão de obras
Em entrevista concedida a emissoras de rádio na manhã de hoje, 29, Luciano Bispo falou sobre o atraso em algumas obras. Segundo o prefeito, esse retardamento está sendo ocasionado pelo empresário responsável pelas obras, o mesmo empresário ficou responsável pela construção da praça de alimentação, duas clinicas e o pórtico.
Segundo Luciano, todas as obras serão concluídas, pois durante seus mandatos nunca perdeu nenhuma obra por falta de prazo. Para o prefeito, ainda essa semana algumas dessas obras serão adiantadas.
Da redação Itnet, Aparecido Santana

quarta-feira, setembro 28, 2011

COMPLETE A CORRIDA



Patrício Darvisson

Até os jovens se cansam e ficam exaustos, e os moços tropeçam e caem; mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Isaías 40:30, 31



O lugar era o Estádio Olímpico da cidade do México. Eram sete horas da noite do dia 20 de outubro de 1968. Os últimos corredores da maratona ainda recebiam tratamentos de primeiros socorros. Quase uma hora depois de terminada a maratona, os assistentes que ainda estavam no local escutaram sirenes de carros de polícia. Entrando pelos portões do estádio, uma só figura com as cores da Tanzânia chega manquejando. Seu nome: John Steve Aquari. Ele foi o último homem a terminar a maratona em 1968. Tinha uma das pernas sangrando e com ataduras, pois havia caído no início da corrida. E tudo o que podia fazer era correr manquejando o restante da maratona. Os que ainda permaneciam no estádio aplaudiram enquanto ele dava a última volta.
Quando ele cruzou a linha final, alguém fez a pergunta que todos queriam fazer: “Você está ferido. Por que não desistiu? Por que não abandonou a corrida?” Aquari respondeu com dignidade: “Meu país não me enviou a dez mil quilômetros de distância para começar a corrida. Meu país me enviou para completar a corrida.”
A mensagem é válida para aqueles que, em algum trajeto ou fase da vida, são tentados a desistir. De vez em quando aparecerão obstáculos e dificuldades que devem ser vistos como desafios. Por isso, o espírito de tenacidade e perseverança é necessário, seja como profissional, como membro da família ou como estudante.
De vez em quando, poderão aparecer fatores que o levarão a desanimar. Mas não desista, não “jogue a toalha”! Você chegou até aqui para terminar a corrida. A proposta do profeta é: com esperança e fé, é possível caminhar por quilômetros sem fim sem viver o drama do desânimo e de querer desistir.
E ele indica um fator essencial nessa corrida: esperar no Senhor. Quando perceber que seus recursos estão no fim, que lhe restam poucas forças e as circunstâncias dizem para você parar, não desista. Voar, correr, andar, soa como se fosse uma meta inatingível, mas esperar no Senhor produz energia. A promessa é verdadeira: “Aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam” (Is 40:31).
Fonte: CPB

TSE aprova registro nacional do PSD, partido de Gilberto Kassab



MPE opinou contra por duvidar das assinaturas; DEM diz que vai recorrer.
Defesa do PSD diz que cumpriu regras e reclamou de lentidão da Justiça.
Débora Santos Do G1, em Brasília
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta terça-feira (27) o registro nacional do PSD (Partido Social Democrático), fundado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. A decisão, por 6 votos a 1, permite que a nova sigla filie candidatos e concorra nas eleições municipais de 2012.
Além da relatora do processo, ministra Nancy Andrighi, votaram a favor do registro os ministros Marcelo Ribeiro, Teori Zavascki, Arnaldo Versiani, Cármen Lúcia e Ricardo Lewandowski. Contra, apenas o ministro Marco Aurélio Mello.
Por 6 votos a 1, TSE aprovou criação do PSD, 28º partido do Brasil (Foto: Nelson Jr./ASICS/TSE)
Com a criação do PSD, o Brasil passa a ter 28 partidos políticos em atividade. Com a decisão desta terça, o partido de Kassab poderá disputar as eleições municipais, sob o número 55. Mas ainda há riscos aos planos do prefeito de São Paulo para o pleito do ano que vem.

O advogado do DEM, Fabrício Medeiros, disse que vai recorrer contra a criação do PSD no Supremo Tribunal Federal (STF). Diante de denúncias de fraudes na coleta de assinaturas de apoio de eleitores, que marcaram o processo de nascimento do PSD, a nova sigla corre também o risco de ter seu registro impugnado caso alguma irregularidade seja comprovada na Justiça.

Depois de uma sessão marcada por embates na última quinta-feira (22), o julgamento foi retomado nesta terça a partir do voto do ministro Marcelo Ribeiro, que havia pedido vista. O impasse se criou diante das dúvidas de alguns ministros quanto à autenticidade das assinaturas de apoio, exigidas por lei e alvo de questionamentos durante o processo de registro.

sexta-feira, setembro 23, 2011

Governo do Estado constrói Terminal Rodoviário em Canindé de São Francisco




Orçada em R$1.113.241,89, terminal é fruto da parceria entre o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Governo de Sergipe
Investir nas vocações econômicas dos municípios sergipanos está entre as principais prioridades do Programa Sergipe Cidades. Com o intuito de promover o incremento ao turismo e a partir disso possibilitar o aumento na geração de emprego e renda, o Programa concluiu a construção de um terminal rodoviário na cidade de Canindé de São Francisco.

Resultado da parceria entre o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Governo de Sergipe e executado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano (Sedurb), o Sergipe Cidades tem sido um dos grandes fomentadores para o fortalecimento do turismo no Estado.
Segundo destino turístico mais procurado de Sergipe e localizada no alto sertão sergipano, distante 213 quilômetros da capital sergipana, a cidade de Canindé de São Francisco necessitava de um terminal rodoviário, não apenas pelo crescimento do fluxo turístico nos últimos anos, mas, principalmente, por fazer parte dos 50 novos destinos do Brasil que integra o Plano de Competitividade do Turismo, coordenado pelo Governo Federal.


De acordo com a secretária municipal de turismo, Sílvia Oliveira, um dos pontos negativos do projeto era a ausência de um terminal rodoviário. “O terminal chega em boa hora, pois vem suprir uma grande necessidade de infraestrutura para os turistas que querem vir e permanecer na cidade, uma vez que a rotatividade de ônibus acontecia na Praça Ananias Fernandes, atrapalhando o trânsito na área central”, declarou.

O Terminal

Situada no quilômetro inicial da Rodovia Juscelino Kubitschek (SE 230) – que liga Canindé à cidade baiana de Paulo Afonso -, a obra recebeu investimentos no valor de R$ 1.113.241,89, ocupa uma área total de 2.761,20 m² e chama atenção pela amplitude em que foi projetada.


O espaço externo é contornado por calçada e dispõe de um amplo estacionamento para visitantes, plataforma de embarque e desembarque, jardim e postes de iluminação. A acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida foi uma das prioridades na elaboração do projeto e em todo o entorno foram aplicados piso tátil, construídas nove rampas de acesso e faixas de pedestres.


Na parte interna, a rodoviária dispõe de três guichês, lanchonete, sala administrativa, depósito, quatro banheiros - sendo que dois deles são destinados a pessoas com deficiência física -, uma espaçosa área de circulação e sala de passageiros com seis bancos.

Para garantir segurança aos usuários, a cobertura é em telha de alumínio e sob o forro em PVC foram instaladas diversas luminárias, além de luzes de emergência nas paredes. Quatro extintores de incêndio estão estrategicamente colocados e dois bebedouros propiciarão comodidade aos passageiros. O piso é em alta resistência e, entre a sala de passageiros e as plataformas de embarque e desembarque, foi colocado um gradil e duas modernas catracas eletrônicas foram instaladas.
Conforto e progresso


Além de contribuir para o progresso turístico do município, o terminal rodoviário trouxe conforto também para os moradores. Residente no povoado Agrovila, a agricultora Terezinha da Conceição, 50 anos, não vê a hora de o local ser inaugurado.


“A população estava precisando muito de uma rodoviária. Assim como eu, várias pessoas passam muito tempo debaixo do sol e às vezes até de chuva, esperando condução para nossas casas. Agora, vamos ter um lugar fresco e com sombra”, comemorou.


Para Geilza Gomes de Souza, 38 anos, a obra foi de relevante importância. Moradora do povoado Corituba, distante 14 km de Canindé, a dona de casa uma vez por semana se desloca até a cidade, mas confessa que, na hora de retornar para o seu lar, o transtorno é inevitável. “Não temos um local com sombra para ficar esperando o transporte. Muitas vezes a espera dura até 40, 50 minutos e o sol aqui castiga a gente. Pior fica quando preciso trazer algum dos meus quatro filhos. O bom é que na próxima semana, vou ter onde me sentar para esperar o ônibus”, disse.


A secretária Sílvia Oliveira conta que mesmo antes de ser inaugurada, a rodoviária já dá sinais de progresso. “Já é notável as melhorias em estabelecimentos comerciais nas proximidades do terminal. Novos negócios e empregos estarão sendo gerados direta e indiretamente, sem contar que a localização estratégica do espaço propicia a ampliação do número de taxistas e mototaxistas da cidade”, explicou.
Mesmo já possuindo um ponto de trabalho fixo, o mototaxista Edmilson Martins Tavares, 33 anos, diz que o terminal facilitará a vida não somente dos passageiros. “Muitos companheiros de trabalho já tem o seu ponto, mas existem outros que não. Com a rodoviária eles terão novas oportunidades e isso é bom, porque ajuda a todos. Parabéns ao Governo do Estado por construir essa obra”, elogiou.

Justiça eleitoral adia decisão sobre registro do PSD

Durante o julgamento, o ministro Teori Zavascki, que não chegou a votar o mérito do pedido, defendeu mais investigação das certidões de apoiamento obtidas pelo PSD.

Um pedido de vista do ministro Marcelo Ribeiro, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), adiou a decisão sobre o registro do PSD. Para que participe da eleição de 2012, a sigla idealizada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, precisa ser oficialmente criada até o dia 7 de outubro, ou seja, um ano antes da votação.

O ministro prometeu devolver o processo para análise do plenário da Corte até a próxima terça-feira (27).

Antes do pedido de vista do ministro, a relatora do pedido, ministra Nancy Andrighi, apresentou voto favorável ao registro do PSD. Para a ministra, a sigla cumpriu todos os requisitos necessários e, por isso, deve ter sua criação autorizada. Ela rejeitou contestações feitas por outros partidos.

Durante o julgamento, o ministro Teori Zavascki, que não chegou a votar o mérito do pedido, defendeu mais investigação das certidões de apoiamento obtidas pelo PSD.

IRREGULARIDADES

O processo de criação do PSD foi marcado por suspeitas de irregularidades, como duplicação de atas, uso da máquina pública e falsificação de assinaturas necessárias para que o registro seja autorizado.

Na mesma seção em que os ministros da Corte eleitoral analisaram o pedido do PSD, julgaram também impugnações à criação da nova sigla feitas pelo DEM, pelo PTB, pelo PSPB (partido em formação cujo processo de registro também corre no TSE) e o deputado federal Lúcio Quadros Vieira Lima (PMDB-BA).

A criação do PSD foi criticada pelo DEM durante o julgamento. Segundo o advogado Fabrício Medeiros, que atua para a ex-legenda de Kassab, não houve tempo hábil para o PSD cumprir as exigências formais, como a apresentação de assinaturas válidas de mais de 490 mil eleitores. Para ele, é preciso de mais tempo para investigar denúncias de fraude na coleta de assinaturas.

"O juízo de vossas excelências deverá ser precedido de milhares de páginas, totalizando 14 volumes", disse Medeiros. "Houve pressa para obter o registro. O partido foi criado em abril e, em cinco meses, é impossível obter o registro político por uma Corte eleitoral", completou.

Defesa - A defesa do PSD também foi apresentada durante o julgamento. O partido nega as fraudes.

O advogado Admar Gonzaga, que fez a defesa do pedido de registro do PSD, argumentou que a sigla já obteve a aprovação em 18 TREs (Tribunais Regionais Eleitorais). Segundo o advogado, que foi contratado pelo PSD, o partido obteve aprovação por votação unânime nos 18 tribunais. Ele ressaltou que o número é o dobro do exigido por lei --nove Estados.

O número, no entanto, foi contestado pela vice-procuradora eleitoral Sandra Cureau, que só reconheceu menos da metade das assinaturas de apoio apresentadas pelo PSD.

Após o voto da relatora, outros seis ministros ainda precisam votar sobre a criação da sigla.

Justiça eleitoral adia decisão sobre registro do PSD

Durante o julgamento, o ministro Teori Zavascki, que não chegou a votar o mérito do pedido, defendeu mais investigação das certidões de apoiamento obtidas pelo PSD.

Um pedido de vista do ministro Marcelo Ribeiro, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), adiou a decisão sobre o registro do PSD. Para que participe da eleição de 2012, a sigla idealizada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, precisa ser oficialmente criada até o dia 7 de outubro, ou seja, um ano antes da votação.

O ministro prometeu devolver o processo para análise do plenário da Corte até a próxima terça-feira (27).

Antes do pedido de vista do ministro, a relatora do pedido, ministra Nancy Andrighi, apresentou voto favorável ao registro do PSD. Para a ministra, a sigla cumpriu todos os requisitos necessários e, por isso, deve ter sua criação autorizada. Ela rejeitou contestações feitas por outros partidos.

Durante o julgamento, o ministro Teori Zavascki, que não chegou a votar o mérito do pedido, defendeu mais investigação das certidões de apoiamento obtidas pelo PSD.

IRREGULARIDADES

O processo de criação do PSD foi marcado por suspeitas de irregularidades, como duplicação de atas, uso da máquina pública e falsificação de assinaturas necessárias para que o registro seja autorizado.

Na mesma seção em que os ministros da Corte eleitoral analisaram o pedido do PSD, julgaram também impugnações à criação da nova sigla feitas pelo DEM, pelo PTB, pelo PSPB (partido em formação cujo processo de registro também corre no TSE) e o deputado federal Lúcio Quadros Vieira Lima (PMDB-BA).

A criação do PSD foi criticada pelo DEM durante o julgamento. Segundo o advogado Fabrício Medeiros, que atua para a ex-legenda de Kassab, não houve tempo hábil para o PSD cumprir as exigências formais, como a apresentação de assinaturas válidas de mais de 490 mil eleitores. Para ele, é preciso de mais tempo para investigar denúncias de fraude na coleta de assinaturas.

"O juízo de vossas excelências deverá ser precedido de milhares de páginas, totalizando 14 volumes", disse Medeiros. "Houve pressa para obter o registro. O partido foi criado em abril e, em cinco meses, é impossível obter o registro político por uma Corte eleitoral", completou.

Defesa - A defesa do PSD também foi apresentada durante o julgamento. O partido nega as fraudes.

O advogado Admar Gonzaga, que fez a defesa do pedido de registro do PSD, argumentou que a sigla já obteve a aprovação em 18 TREs (Tribunais Regionais Eleitorais). Segundo o advogado, que foi contratado pelo PSD, o partido obteve aprovação por votação unânime nos 18 tribunais. Ele ressaltou que o número é o dobro do exigido por lei --nove Estados.

O número, no entanto, foi contestado pela vice-procuradora eleitoral Sandra Cureau, que só reconheceu menos da metade das assinaturas de apoio apresentadas pelo PSD.

Após o voto da relatora, outros seis ministros ainda precisam votar sobre a criação da sigla.

quarta-feira, setembro 21, 2011

4º BAILE MAÇÔNICO EM CANINDE


UMA NOITE DE LUZ E PAZ DIA 26 DE NOVEMBRO DE 2011

O fenômeno da transferência de votos e a eleição para a prefeitura de Caninde de São Francisco





Há um mito em torno da idéia de transferência de votos por lideranças políticas cuja discussão está em voga nesse momento. Uma razão para que o tema esteja na moda é a sucessão de Orlandinho em 2012. Com o quadro atual, a gestao de Orlandinho ostentando altos índices de aprovação, o PSB de Valadares convidou a ex-prefeita Rosa Maria para ser o principal nome de oposdição no municipio. A expectativa é que Orlandinho possa eleger seu sucessor com base em sua incrível capacidade de transferência de votos. O fato de ser uma liderança política carismática reforça essa crença. Dessa forma, mesmo possuindo um bom candidato, a oposição ao poderia morrer na praia, vendo Orlandinho eleger um aliado para sucedê-lo. Um teste atual para a força do fenômeno da transferência de votos aconteceu na eleição para o governo, em que o prefeito Orlandinho elegeu um deputado estadual ( Jeferson Andrade ) dois deputados federais ( Rogerio Crvalho e André Moura ) além de ter implacado seu irmao KaKa Andrade na suplencia ao lado do senador Amorim. Além de ter sido o principal coordenador da campanha de de Marcelo Deda no sertao, onde Caninde de são Francisco deu a maior vitoria proporcinal ao candidato do PT.



Havendo êxito na empreitada, estar comprovado o tal fenômeno da transferência de votos.
Todavia, o que realmente importa para o eleitor é saber se o candidato representa a continuidade administrativa ou a mudança. Como tendência geral, o eleitor deseja continuidade de governos bem avaliados. De outro lado, se o mandatário tem alto índice de rejeição, a tendência é que a eleição seja dominada pelo desejo de mudança. No primeiro caso, o candidato governista tem ampla vantagem. No segundo, a vitória eleitoral é uma tarefa bem mais tranqüila para a oposição. Somente circunstâncias muito especiais podem alterar esse quadro. Essa tendência do eleitorado pode ser verificada na maioria das eleições (seja municipal, estadual ou federal), sendo uma regra. Os casos excepcionais são a exceção que confirmam a regra. Em 2011, caso o governo Orlandinho obtenha os índices de avaliação obtidos hoje, é natural que o eleitor deseje continuidade administrativa. Uma candidatura de oposição – Rosa maria – para ter sucesso deverá preservar o governo Orlandinho, inclusive adotando algumas de suas bandeiras – isto é, dialogar com o eleitorado de Orlandinho. Um candidato do governo terá maior facilidade de associar-se ao governo Orlandinho, e é uma vantagem que não pode ser menosprezada. Porém, o desejo de continuidade não pode ser confundido com transferência de votos.


Em Caninde de São Francisco, o governo municipa têm aprovaçao alta. Nesse caso, a eleição de Canindé é claramente de continuidade administrativa. Significa dizer que o candidato que identificar com maior êxito à administração municipal tem alta chance de sair vitorioso. Assim, a figura do prefeito Orlandinho é muito importante. Quanto mais o candidato de Orlandinho se identificar com ele, maiores serão suas chances de vitória.


Para complicar o cenário em Caninde o candidato de oposição com melhor chance (Rosa Maria) enfrenta a ambição de vários outros pre- candidatos a sucessao de Orlandinho, o que facilita ainda mais a situação.
De todo modo, a importância do fenômeno politico no sertao (Orlandinho Andrade) é respeitado por todo seguimento politico no estado.
Até agora corre nos bastidores, que do lado de Orlandinho estão de prontidão para sua sucessao os seguintes nomes: o Secretario Obra Alberto Vieira, gestor experimentado em outras pastas e que tem hoje seu nome cada vez mais forte junto a familia dos andrade, o vice-prefeito Marcondes Marinho, fiel amigo e detentor de um respeito singular pelo prefeito Orlandinho e que estar no projeto desde o inicio do mandato, Ednaldo da farmacia que tambem foi importante para que Orlandinho implantasse varias mudanças no municipio, o vereador Linduarte Torres , ex-presidente da câmara de vereadores e que é de uma fidelidade impressionante ao prefeito. Outro nome que pode surprender é do jovem Eliel Caetano. Poucos sabem, mais Eliel atua nos bastidores, tem uma forma de fazer politica diferente, muito atencioso e respeitado por todos. É sem duvida uma grata revelação no senario politico. Outro nome é do vereador Pank, é um politico de caracteristica popular. Tem hoje seu nome sitado em qualquer pesquisa eleitoral.


Do lado da oposição o principal nome é Rosa Maria. Sua pre-candidatura ganhou folego quando foi convidada pelo senador Valadares a fazer parte do quadro do PSB. A atitude do senador foi uma resposta ao conselheiro do Tribunal de Contas, Ulices Andrade pela falta de apoio na eleição passada. Com isso Valadares fortalece a candidatura de Rosa Maria e subira no palanque em 2011.


Sobre a pre- candidatura do deputado federal Heleno é natural sua posição. Lembramos que na eleição de 2008 ele tambem foi candidato, lancando sua candidatura e realizando algumas caminhadas pelas ruas de Caninde. Ele como outros pre-candidatos retrocederam em nome da governabilidade. Na minha opiniao sua atitude é para fortalecer o partido no estado e ter participação no futuro governo indicando alguns membros do partido. Tenha uma certeza, Pastor Heleno não pode ser substimado já provou isso.
Mais uma vez reafirmamos, a eleição de KaKa Andrade na suplencia do senador Amorim abriu novos horizontes para a regiao, e não se engane, KaKa andrade poderá assumir o senado em 2012.

terça-feira, setembro 20, 2011

Lançamento do site da Câmara de Canindé de São Francisco


Lançamento do site da Câmara de Canindé de São Francisco

Com o objetivo de estreitar a interatividade da Câmara com os cidadãos do município, fazendo com que os mesmos fiquem cientes das leis aprovadas e atos oficiais, o site fornecerá acesso aos downloads das atividades da Câmara.

O site irá conter: atualizações semanais das reuniões na câmara, a agenda do mês, google maps mostrando a localização exata do endereço da câmara, a história da câmara com fotos e informações detalhadas.
É importante também ressaltar que no site constará as funções de cada um dos vereadores tendo uma biografia de cada um deles,
Também será informado as atas das reuniões, acesso a assessoria de imprensa, telefones úteis, links de sites informativos.

sexta-feira, setembro 16, 2011

Canindeense avaliam atuação de vereadores no 1º semestre.

Diálogo e respeito são os dois aspectos que marcaram o primeiro semestre da legislatura da Câmara Municipal de Canindé de São Francisco. ..
Praticamente há uma unanimidade, apontando como exemplos desta nova fase do Parlamento municipal, os debates em Plenário envolvendo as votações para solução de problemas e criação de alternativas viáveis para ajudar os menos favorecidos.
Para os canindeenses a vontade dos vereadores em resolver os problemas e suas iniciativas mais transparentes, foi primordial para estabelecer essa nova fase que vive o parlamento em Canindé. Eles destacaram as sessões itinerantes como um dos fatores positivos. Lembraram também que a presença deles nos povoados e bairros garantiram essa credibilidade juntos aos seus eleitores.

Segundo o vereador Pank (PV), que exerce o seu primeiro mandato, “é importante ressaltar que a Câmara Municipal está construindo uma nova identidade”, a partir das medidas moralizadoras implementadas pela atual Mesa Diretora. “Isso só está sendo possível porque os vereadores estão sendo corresponsáveis, respaldando essas ações que dignificam a Câmara”, declara.

O vereador Juarez(PMN) lembra que o Legislativo iniciou essa nova legislatura com novos parlamentares. Essa renovação, aliada às mudanças na administração, estabeleceu uma inovadora dinâmica nos debates em Plenário, nas reuniões e audiências públicas realizadas nos seis primeiros meses do ano. “Hoje temos uma participação efetiva do cidadão nas decisões do Legislativo”, frisa. O parlamentar acredita que esta permanente integração é a função primordial do Parlamento, onde os vereadores devem ser, cada vez mais, agentes de defesa das grandes causas dos cidadãos.
O líder do Governo, vereador Soares (PMDB) fez questão de citar, momentos que propiciaram as discussões em torno de projetos com o objetivo de assegurar o bem estar das famílias canindeenses. Segundo o vereador é um excelente exemplo do novo momento que vive o legislativo, em que o governo municipal e o legislativo demonstram que querem realmente o melhor para o nosso município, ressalta.

Sobre a oposição, os comentários na cidade são os melhores. Para muitos os vereadores oposicionistas fizeram um bom trabalho. Afirmaram que em muitas ocasiões que discordavam dos projetos do governo municipal, fizeram questionamentos pertinentes, com base em argumentos sólidos, sempre pensando no melhor para Canindé. Na avaliação de alguns os objetivos foram alcançados.

O vereador Edmilson da Agrovilla (PDT) destacou como ponto primordial da nova administração o fator transparência da Casa. A expectativa para a segunda metade do ano é que estes avanços continuem. Segundo ele, garantiu que, iria continuar a fiscalizar com muita rigidez o Governo, mostrando os erros e apontando as soluções, com foco na população, no desenvolvimento econômico e social de todo o município.

O vereador Linduarte (PDT), igualmente revela otimismo, garantindo que “o balanço desse primeiro semestre é positivo”. Linduarte afirma que a câmara vivenciou um período de importantes mudanças, quando teve a oportunidade de administrar a casa por dois anos e se debruçou sobre novos projetos e propósitos, reconquistando o respeito dos cidadãos.

O vereador Tutucha (PV) garante que para o segundo semestre é esperando grandes debates em que o governo municipal poderá encaminhar solicitações para o desenvolvimento dos programas que vão garantir o crescimento que Canindé tanto merece.

O vereador Wilton da Nova Vida (PV) garante que essa união de forças garante a realização do que é melhor para Canindé.

Segundo Luciano essa “Casa de Leis” está construindo uma historia pautada pela completa transparência, resgatando a função dos homens públicos, mostrando como é importante a atuação do parlamentar neste processo democrático. Luciano acredita que o segundo semestre os parlamentares terão a oportunidade de apresentar um volume maior de projetos e também de defender emendas ao orçamento 2012, que contribuam com melhorias para o município. O vereador ainda enfatizou que, atualmente os vereadores são respeitados pelo cidadão, fator que aponta como essencial para o crescimento da sociedade.

Na analise do vereador Adriano de Bomfim, esse primeiro semestre foi positivo. Adriano afirma que essas mudanças já estavam ocorrendo, mas neste ano foram mais serias. Ele disse que os atos administrativos da casa proporcionaram uma maior dinâmica, e que essas mudanças trouxeram mais união de todos em torno do resgate da credibilidade da “Casa do Povo”. O vereador apontou também a mesa diretora, como fator primordial para essa nova face da câmara. Para o vereador Adriano um dos grandes desafios era recuperar a credibilidade da Casa e foi dado um primeiro passo para isto. Adriano ver a satisfação da população com a nova face, principalmente as sessões itinerantes que propuseram uma nova alternativa para os canindeenses.

VOCÊ NO MAPA